Tratamento

- Excimer Laser Amaris 750 s:

A empresa alemã Schwind, uma das líderes mundiais na área de oftalmologia, conseguiu reunir em um único aparelho o que há de mais avançado na tecnologia de excimer laser, usado para cirurgias refrativas. O Amaris 750S é o que existe hoje de mais seguro, mais preciso e mais rápido em termo de correção cirúrgica de miopia, hipermetropia e astigmatismo.

Com o Amaris 750S oftalmologistas dos principais centros internacionais tem conseguido correções mais precisas, com recuperação mais rápida que as outras tecnologias.

Entre os avanços estão um sistema de rastreamento capaz de captar até 1050 movimentos oculares por segundo, em qualquer sentido, que corrige o foco do laser quase que instantaneamente. O feixe do raio é muito mais estreito, com uma freqüência muita mais alta, o que permite mais precisão e rapidez.


- Schwind Amaris 750S:

Maior Rapidez

O Schwind Amaris 750S corrige cada grau de miopia em apenas um segundo e meio. É 73% mais rápido que as outras tecnologias existentes hoje no mercado dos Excimer Lasers.

O tempo é um fator extremamente importante em uma cirurgia refrativa. Isso porque o laser age de forma diferente de acordo com a umidade da córnea. Se a cirurgia for demorada, e a córnea não estiver bem umedecida, pode haver uma supercorreção do grau.

Maior precisão

A medida do feixe do laser do Schwind Amaris 750S é bem mais estreita, quase a metade dos atuais. Isso permite uma precisão muito maior, capaz de corrigir imperfeições minúsculas com o um desgaste mínimo para a córnea.

Além disso, o Schwind Amaris 750S trabalha com dois níveis de energia, graças a um dispositivo chamado Automatic Fluence Level Adjustment (AFLA). A energia mais alta, mais abrasiva, é usada em cerca de 80% do procedimento. Então, automaticamente, o aparelho passa a emitir uma energia mais baixa, que desgasta menos a córnea e torna a correção mais precisa.


- Schwind Amaris 750s: o eyetracker mais veloz:

Um risco para o bom resultado de uma cirurgia corretiva são os movimentos involuntários do olho, que ocorrem centenas de vezes em todas as direções.

Por isso, o Schwind Amaris 750S é equipado com um rastreador, o Turbo Eyetracker Cyclotorsion, capaz de fazer 1050 (mil e cinquenta medições) por segundo, mantendo o laser sempre no ponto determinado.


Eficiência comprovada

O Shinagawa LASIK Center, do Japão, é um dos principais centros de cirurgias refrativas do mundo, com 113 médicos e cerca de 800.000 mil procedimentos realizados desde 2004. É responsável por 70% de cirurgias a laser no país. O Shinagawa coloca à disposição de seus pacientes as melhores tecnologias do mundo. Graças às inovações do Schwind Amaris 750S, a instituição comprou oito aparelhos, para oferecer atendimento premium, pelo qual os pacientes pagam entre 400 e 800 dólares a mais. Somente em agosto do ano passado foram feitas 85.000 cirurgias com o Amaris 750S. Atualmente, são cerca de 10.000 mensais.

“Nós nos concentramos em oferecer aos pacientes o melhor qualidade possível no tratamento”, diz o Dr. Minoru Tomita, diretor executivo da empresa. “Fazemos isso para permanecer na vanguarda das novas tecnologias e novos procedimentos”.